assessoria de
  comunicação

24/10/2016
 Nota Pública
por Ascom


A administração da Uesb, em respeito ao que preconiza a constituição de 1988, que garante ao povo brasileiro, indistintamente, direito à educação e saúde, vem por meio desta, se solidarizar a todos os movimentos que estão acontecendo concomitantemente em todo país contra a PEC 241/2016.

A Proposta, que fora aprovada em primeira instância na Câmara de Deputados Federais, limita investimentos em áreas essenciais e estratégicas para a sociedade. Dentre esses, destacam-se congelamento de salário, redução das ações sociais, proibição de concursos públicos, diminuição em investimentos para educação, em especial para educação publica superior. Quanto às consequências para esta última, nos posicionamos contrariamente à quaisquer ações que promovam o seu sucateamento e o seu papel como agente transformador da sociedade. Diante do exposto, nos posicionamos na defesa de uma universidade pública, gratuita e de qualidade.

Quanto ao funcionamento das atividades acadêmicas e administrativas, foi instituída uma comissão para dialogar com a coordenação geral do movimento com vistas à viabilizar a manutenção das atividades essenciais.



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão