assessoria de
  comunicação

13/3/2017
 UESB é destaque em avaliação do Enade
por Patrick Moraes


Anualmente, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) aplica o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade) com o intuito de avaliar os cursos de graduação e as instituições de ensino superior do país. O Exame é dividido por áreas pré-definidas e alguns cursos de graduação passam pela avaliação a cada três anos.

No último resultado do Enade, divulgado na última quarta-feira, 8, a Uesb, mais uma vez, figura entre as instituições de destaque na Bahia, com resultados positivos em diversas graduações. Realizado em 2015, o Exame avaliou cursos nas áreas de Ciências Sociais Aplicadas, Humanas e áreas afins. Na Universidade, as graduações de Administração, Direito, Ciências Econômicas, Ciências Contábeis e Comunicação Social passaram pelo processo de avaliação.

Com Conceito Enade 5 (nota máxima do Exame), o curso de Administração da Uesb lidera o ranking de avaliação entre as universidades estaduais baianas. Outra graduação que teve avaliação máxima foi Direito, que confirma sua qualidade entre os cursos baianos. Ciências Contábeis foi avaliada com conceito 4, o que coloca a graduação entre os cursos com maior índice de avaliação das Instituições de Ensino Superior (IES) do Estado da Bahia. Os cursos de Comunicação Social e Ciências Econômicas também fizeram parte da avaliação, tendo conceito 3 e 2, respectivamente, no processo.

Universidade mantém qualidade no IGC
Além do Conceito Enade, o Inep divulga outros dois índices: o Conceito Preliminar de Cursos (CPC) e o Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC). No primeiro caso, o resultado das provas aplicadas para os graduandos dos cursos avaliados são somados a questões como titulação e regime de trabalho do corpo docente, percepções dos estudantes sobre a organização didático-pedagógica, infraestrutura e as oportunidades de ampliação da formação acadêmica e profissional.

Já para o IGC, o Inep considera a média do CPC dos cursos avaliados no triênio de referência, bem como a média dos conceitos da avaliação trienal da Capes dos programas de pós-graduação stricto sensu. Na avaliação de 2015, a Uesb confirma seu compromisso com a qualidade mantendo o conceito 4 no IGC e figurando entre as 16,6% das instituições de todo o país com essa avaliação. Na Bahia, a Universidade tem o melhor desempenho entre as estaduais, ao lado da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) e de universidades federais do Estado.

Para o professor Paulo Roberto Pinto Santos, reitor da Uesb, esse é o resultado do trabalho desempenhado em conjunto por todos os segmentos que compõem a Universidade. “Esta foi, mais uma vez, uma vitória coletiva da nossa Universidade, o que mostra que estamos no caminho certo para que a nossa Instituição mantenha o seu nível de qualidade. Além disso, nos coloca com uma perspectiva de futuro sempre no sentido de avançar para podermos interferir positivamente em nossa sociedade”, afirmou o reitor.



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão