assessoria de
  comunicação

19/7/2017
 1º Fórum de Avaliação das USF e Uesb acontece em Jequié
por Carlos Santos


Aconteceu nesta quarta-feira, 19, no campus de Jequié, o 1º Fórum de Avaliação das Unidades de Saúde da Família: Padre Hilário, Virgílio Tourinho, José Maximiliano e Olímpio José. O evento foi promovido pelo Programa de Educação pelo Trabalho – PET Saúde/ GraduaSUS, da Secretaria de Saúde Municipal de Jequié, em parceria com a Uesb, Ministério da Saúde e Ministério da Educação.

O objetivo do 1º Fórum foi reunir docentes, discentes, agentes comunitários de saúde, bolsistas, gestores e pessoas envolvidos com o tripé ensino-serviço-comunidade para esclarecer sobre o PET Saúde/GraduasSUS, revisar os princípios e diretrizes da Estratégia de Saúde da Família e apresentar experiências inovadores no Sistema Único de Saúde (SUS), no município de Jequié. Pela manhã, aconteceram palestras, debates e relatos de experiências. À tarde, os grupos se dividiram para discutir o tema “Trabalho em Equipe: Avaliação das USF’s - levantamento de problemas e propostas de enfrentamento”.

A enfermeira da Secretaria de Saúde de Jequié, Loiana Gomes Silva, coordenadora do PET- Saúde GraduaSUS, disse que o objetivo do evento é ajudar na formação dos estudantes de graduação, pois o serviço de saúde é também um formador profissional. “Vimos trazer e mostrar como o SUS acontece na prática, inclusive com relatos de experiências. A parceria com a Uesb é muito importante, pois os estudantes atuam no programa com muita capacidade técnica e contribuem muito na resolução dos problemas que surgem no dia a dia em nossas unidades de saúde”, destacou a coordenadora.

A discente do 7º semestre de Fisioterapia da Uesb, Fernanda Correia, é bolsista do PET-Saúde e salienta a mudança em sua formação. “Já trabalhei no grupo de atualização curricular e achei muito importante, até porque a concepção de saúde hoje não é aquela de antigamente. Com as ações do PET, mudamos a maneira de ver, passamos de saúde curativa para a saúde preventiva”, frisou a bolsista.

A coordenadora do Colegiado de Enfermagem, professora Lira Cândida Calhau Rebouças, lembrou que esse é um momento de reunir membros da Uesb, enfermeiros, agentes e o pessoal do PET e reforçar os objetivos do programa, que é a Educação pelo Trabalho. “A gente trabalha com quatro estratégias que são as quatro unidades de saúde. O foco é aproximar a Universidade do serviço, e isso significa a gente mudar as concepções do modelo biologicista de trabalhar só com as doenças, mas aproximar o aluno com o modelo de promoção da saúde preventiva, isso é bem melhor do que só a medicina curativa”.

O diretor do Departamento de Saúde 1 da Uesb, professor Marcos Henrique Fernandes, disse que a parceria é de extrema importância, pois a Universidade cumpre seu papel social com a comunidade. “Neste cenário junto à Secretaria de Saúde do município, nós da Universidade estamos ocupando espaços para uma formação profissional adequada e condizente com a realidade brasileira”, destacou Fernandes.

 



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão