assessoria de
  comunicação

25/9/2017
 Projeto visa estimular atividades físicas entre estudantes
por Afonso Ribas


Com o objetivo de estimular mudanças comportamentais em estudantes de ensino médio em relação à prática de atividades físicas, evitando, dessa forma, hábitos sedentários excessivos e incentivando um estilo de vida mais saudável entre adolescentes, nasce o projeto de extensão “Escola e Movimento: nossa escola mais saudável”. Coordenado pelo professor Hector Munaro, do curso de Educação Física, campus de Jequié, a ideia do projeto é realizar atividades de educação em saúde em escolas da rede pública de ensino na cidade.

A iniciativa surgiu após a realização de uma pesquisa com alunos do ensino médio de Jequié. O estudo demonstrou níveis alarmantes da ausência de exercícios físicos entre os estudantes pesquisados, além de altos índices de comportamentos sedentários. Dessa forma, para incentivar um estilo de vida mais ativo, as ações do Escola e Movimento se voltam para a produção de cartazes, folders, jornais e ainda a realização de palestras nas escolas. O intuito do projeto é iniciar as intervenções em outubro e encerrar em dezembro.

Atualmente, está sendo feito o levantamento de dados para posterior aplicação das ações. Serão selecionadas duas escolas, com sorteio de três turmas em cada uma, para aplicação das atividades. Ao final, serão avaliados os impactos da intervenção (em educação e saúde), comparando os resultados entre ambas. 

A depender dos resultados obtidos na primeira fase do projeto, a intenção é ampliar as ações para todas as escolas públicas do ensino médio de Jequié. A equipe do projeto conta com um bolsista de extensão, um de pesquisa e mais seis bolsistas voluntários para desenvolver as atividades. Para saber mais informações, entre em contato com a coordenação por meio do telefone (73) 3528-9721.

Foto meramente ilustrativa.



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão