assessoria de
  comunicação

9/10/2017
 Minicurso aborda obra da escritora brasileira Lygia Bojunga
por Gisele Almeida


Com o objetivo de discutir toda a construção do livro “Feito à mão”, da escritora Lygia Bojunga, teve início na manhã desta segunda-feira, 9, no campus de Vitória da Conquista, um minicurso promovido pelo Mestrado em Letras: Cultura, Educação e Linguagens. A atividade, ministrada pelo professor Paulo Fonseca Andrade, da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), conta com o apoio do Departamento de Estudos Linguísticos e Literários (Dell) e com a coordenação da professora Maria das Graças Fonseca Andrade, do Mestrado em Letras.

Como afirmou a professora Maria das Graças, a ideia para a realização da atividade surgiu da notícia de que o professor Paulo Andrade, que tem a obra de Lygia Bojunga como tema da sua pesquisa de pós-doutoramento, estaria na cidade. “O professor foi muito pronto, muito receptivo. Desse modo, nós apresentamos a ideia à coordenação do Mestrado em Letras, que também se mostrou muitíssimo receptiva”, explicou a coordenadora do evento.

Ainda segundo Fonseca, eventos como esses se justificam por trazer aos alunos autores e temas que nem sempre são abordados nas disciplinas da graduação e da pós-graduação em Letras. “É uma chance de conhecer escritores não muito estudados ou assuntos que não são tratados naquela perspectiva específica. É sempre bom saber e é sempre importante esse alargamento das perspectivas”, afirmou a professora.

O professor Paulo Fonseca falou sobre a relevância do tema do minicurso. De acordo com ele, é possível dizer sem medo que Lygia Bojunga é uma das escritoras vivas mais importantes do Brasil e que, apesar de ter construído sua obra dentro do campo da literatura infanto-juvenil, a complexidade dos seus textos e dos temas abordados interessa a pessoas de todas as idades. “Eu escolhi falar do livro "Feito à mão" em específico porque é uma obra que nasce de um desejo da escritora de percorrer ela própria todo o caminho do livro, desde a feitura do papel, passando pela escrita do texto, até esse livro chegar na mão dos leitores. A própria Lygia coloca que o que ela busca é aprofundar a relação dela com o livro e fazer todo esse caminho sem intermediários”, destacou Andrade.

A aluna do Mestrado em Letras, Josiane Souza Pires, sempre se interessou por Literatura, principalmente aquela voltada para crianças e adolescentes, e viu no minicurso a chance de conhecer mais a obra de Lygia Bojunga. “Como o minicurso é algo curto e não dá pra aprofundar tanto no conhecimento, a expectativa é mesmo de saber mais sobre a escritora, sua obra e como está repercutindo no Brasil e na crítica literária. Além de, quem sabe, poder aplicar esse conteúdo em sala de aula futuramente”, completou a mestranda.   

A atividade continua na manhã da próxima quarta-feira, 11, das 9 às 12 horas, no auditório 1 do Módulo Antônio Luís Santos (Luisão).



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão