assessoria de
  comunicação

8/11/2017
 Segurança do paciente é discutida no campus de Jequié
por Carlos Santos


Nesta quarta-feira, 8, no campus de Jequié, acontece o 1º Encontro Interdisciplinar em Segurança do Paciente. Organizado pela coordenação da graduação em Enfermagem, em parceria com discentes do 7º ao 9º semestre, o evento objetiva propagar e fomentar conhecimentos teóricos e práticos sobre os cuidados em saúde que garantam a segurança dos pacientes em ambientes hospitalares.

A conferência de abertura foi proferida pela enfermeira e coordenadora do Núcleo de Segurança do Paciente do Hospital Universitário Professor Edgar Santos, Monalisa Viana Sant’Anna. Na programação, constam 6 mesas-redondas, 6 oficinas e um momento cultural de encerramento.

 Para contextualizar o tema da conferência aos estudantes de vários cursos de graduação e pós-graduação da Uesb, professores, pesquisadores e convidados presentes, Monalisa San’Anna apresentou, por meio de slides, diversos casos veiculados pelos telejornais de redes de Televisão brasileiras. “Precisamos entender que segurança do paciente não é feita nem pela medicina nem pela enfermagem, ela é e deve ser feita por todos, e em todos os ambientes, desde em casa, nos hospitais, nos ambulatórios, nas clínicas, onde se encontrar um paciente”, frisou a especialista.

Como procedimentos básicos na relação profissional/paciente, o Encontro sugere seis atitudes: identificar corretamente o paciente; higienizar as mãos para evitar infecções; melhorar a comunicação entre profissionais de saúde; melhorar a segurança na prescrição, no uso e na administração de medicamentos; assegurar, corretamente, cirurgia, local de intervenção e procedimento e reduzir o risco de quedas e úlceras por pressão.

A estudante do 8º semestre de Enfermagem da Uesb, Melca Duarte, disse que é muito importante a abordagem do tema do encontro, pois todos, de alguma maneira, precisam se atentar para a questão da segurança do paciente, inclusive para evitar sérios problemas de ordem jurídica no futuro. “Acho muito importante esse tema, pois não só nós da enfermagem precisamos, mas todos que lidam com pacientes, doenças e cuidados”, lembrou.

Vanessa Cardoso, do 7º semestre de Enfermagem, também ressaltou que segurança do paciente será um assunto que perdura durante toda a vida do profissional. “Apesar de ser um tema muito amplo, ainda acontece vários procedimentos incorretos e erros graves, inclusive com sequelas pro resto da vida dos pacientes. Precisamos, sim, ter conhecimentos teóricos e práticos sobre segurança do paciente”, disse a estudante.

O 1º Encontro Interdisciplinar em Segurança do Paciente, que traz o tema “Promover Segurança, Conquistar Confiança”, tem o apoio da Secretaria Municipal de Saúde de Jequié e do Hospital Geral Prado Valadares (HGPV). Os participantes colaboraram com 1 Kg de alimento não perecível.

 



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão