assessoria de
  comunicação

20/11/2017
 Diálogos sobre Pesquisa e Educação acontecem em Conquista
por Emanuela Lisboa


Com o objetivo de discutir temas sobre a educação brasileira e a produção do conhecimento científico no campo da História e da Educação, está sendo realizado, nesta segunda, 20, no Auditório do Módulo 4, campus de Vitória da Conquista, o evento “Diálogos sobre Pesquisa e Educação”.

A atividade, que também acontecerá no período vespertino, ainda tem como intuito analisar a produção de conhecimento sobre a política educacional brasileira, buscando compreender avanços e retrocessos, e como se configura as atuais políticas de Educação no país. “O objetivo da gente é estar ampliando horizontes, fundamentando melhor nossos estudos, nosso conhecimento sobre as políticas públicas para Educação, a produção do conhecimento na área”, ressaltou a professora Isabel Cristina de Jesus Brandão, da coordenação do evento.

Na parte da manhã, foi proferida a palestra “Produção do conhecimento em Política Educacional", pela professora Antônia Almeida Silva (foto 2), da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). A docente, que é uma referência na área, falou sobre o assunto em discussão. “O estudo sobre a produção de conhecimento em educação tem sido uma das nossas preocupações, principalmente porque a gente quer problematizar a produção de conhecimento e a sua contribuição para o fortalecimento da área de Educação. Então, esse é o objetivo, que estudos que problematizem a produção de conhecimento ajudem a consolidação do campo da Educação”, disse. Em relação ao que está sendo produzindo nas pesquisas, a professora pontuou o que tem observado a partir dos seus estudos. “O que a gente procura ver é em que medida as pesquisas têm valorizado a preocupação com a dimensão epistemológica e metodológica. Então, a gente observa que houve um crescimento muito grande do número de produções, mas essa produção ainda é muito dispersa e a gente precisa reunir esforços para que essa produção seja mais orientada para determinados focos. Não nos basta crescer, é preciso crescer de forma orientada, com finalidades bem estabelecidas”.

Silva comentou também sobre esse momento de diálogo com professores e discentes da pós-graduação: “Que a nossa conversa possa influenciar no delineamento das suas pesquisas, que as pesquisas observem em que medida as lacunas que vem sendo sinalizadas pelas áreas possam ser atacadas pelos pós-graduandos e pelos professores pra que o conhecimento não tenha uma dimensão apenas expansiva, mas também uma perspectiva de fortalecimento, de qualificação da produção”.

Sobre a presença dos palestrantes convidados, a professora Isabel Cristina destacou a importância da participação de pesquisadores da região: “O nosso objetivo é estreitar laços com os parceiros das universidades estaduais porque isso falta também no nosso estado. Um momento como esse colabora muito pra gente ter um maior olhar sobre o que tem sido feito em outras cidades. O que o pessoal de Feira está pesquisando não é necessariamente o que nós de Conquista estamos pesquisando, então isso é muito importante”.

O Dialogo continua às 14h30, com a palestra "A produção da pesquisa em Educação sobre a República", a ser ministrada pelo professor Wilson da Silva Santos, da Universidade do Estado da Bahia (Uneb).

O evento é promovido pela Linha 1 - Educação, Políticas e Gestão, do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGed); o Grupo de Pesquisa sobre Ludicidade, Didática e Práticas de Ensino (Ludipe); o Grupo de Pesquisas e Estudos Infância e Educação Infantil (GPEIEI); o Laboratório de Pesquisa em Ensino de História (Lapeh); o Núcleo de Estudo, Pesquisa e Formação de Professores (Nefop); e pelo Departamento de Filosofia e Ciências Humanas (DFCH). A atividade também tem o apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PPG) e da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários (Proex).

Para obter mais informações, contate o PPGed por meio do telefone (77) 3424-8749.



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão