assessoria de
  comunicação

21/2/2018
 Obras do Vestibular UESB 2018 foram analisadas em Jequié
por Wellington Nery


Aconteceu nas tardes de terça e quarta-feira, 20 e 21 de fevereiro, no Anfiteatro do Pavilhão de Aulas Professor Manoel Soares Sarmento Filho, na Uesb, campus de Jequié, as Rodas de Conversas com a análise da obra “As artes do cinema com Glauber Rocha”, feita pelos professores do Departamento de Ciências Humanas e Letras (DCHL) e coordenadores do Programa de Extensão Papo Lírico, Valéria Lessa Mota e Anísio Assis Filho, e da obra “O Escândalo do Petróleo, de Monteiro Lobato”, analisada pela professora do DCHL Maria Afonsina Matos e pelos acadêmicos do curso de Licenciatura em Letras, Didimare Santana dos Santos e Edilson de Viniano da Silva Filho.

O evento foi promovido pelo Programa de Extensão Estação da Leitura, pelo Grupo de Pesquisa e Extensão em Lobato (GPEL) e pelo Programa de Extensão Papo Lírico, e teve como temáticas as obras que serão abordadas no Vestibular da Uesb 2018. O encontro teve o objetivo de promover um momento de compartilhamento de informações e também discutir as possíveis questões levantadas pelos vestibulandos.

Para Robson Santos Santana, de 18 anos, que concluiu o Ensino Médio em 2017 no Colégio Estadual Professor Eraldo Tinoco, em Lafaiete Coutinho, e irá prestar o vestibular, a iniciativa da Universidade foi muito boa. “Eu achei muito bom porque ajuda a gente de certa forma a abordar o tema do filme e a absorver isso para se sair melhor no vestibular. Eu gostei porque eles estão debatendo um certo tipo de tema que eu não tinha visto ainda. Aí é mais conteúdo, mais informação”, ponderou o estudante que concorrerá a uma vaga no curso de bacharelado em Sistema de Informação.

Klivelin Novais Sampaio, de 18 anos, de Jequié, que fará vestibular para o curso de bacharelado em Direito, concorda. “Eu achei muito interessante porque pode chamar a atenção de muitas pessoas que não têm o interesse de buscar sobre alguns quesitos do filme que podem ser muito úteis na hora da prova,” avalia. A estudante Beatriz de Souza Meira, de 17 anos, que concluiu o Ensino Médio no Colégio Sebastião Rodrigues dos Santos, em Boa Nova, e prestará vestibular na Uesb concorrendo a uma vaga no curso de bacharelado em Fisioterapia, também aprovou a iniciativa. “Eu achei muito interessante porque são pequenos detalhes que ficam para trás e em um movimento como esse todas as dúvidas são esclarecidas”, argumenta Meira.

O vestibulando João Vitor Oliveira, de 18 anos, que concluiu o Ensino Médio no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, em Jequié, e fará vestibular para o curso de Odontologia, viu na iniciativa da Universidade mais uma oportunidade de conhecimento. “Eu achei essa iniciativa uma ótima forma de capacitar cada vez mais os vestibulandos e aumentar o seu conhecimento para o momento das provas”, conclui. Segundo Didimare Santana dos Santos o objetivo do evento foi alcançado. “A gente não conseguiu atingir o público esperado, mas acredito que com as informações o pessoal se sentiu muito bem, pôde tirar algumas dúvidas, também compartilhar as reflexões que foram feitas a partir da leitura ao assistir o filme que vai cair no vestibular e poder tirar algumas dúvidas com eles”, diz Santos.



Assessoria de Comunicação
indique essa matéria para um amigo
Versão para impressão