DISCIPLINAS E EMENTAS

INTRODUÇÃO ÀS CIÊNCIAS DA LINGUAGEM
Ementa: A linguagem como objeto multifocal. A língua como objeto de estudo e a Linguística. A Linguística e a relação com outras ciências. As disciplinas da Linguística na sua relação de interface, de fronteira e de entremeio e seus objetos.

FUNDAMENTOS DA PESQUISA EM CIÊNCIAS DA LINGUAGEM
Ementa: Discussão sobre a construção da pesquisa científica nas ciências da linguagem do ponto de vista formal, funcional e discursivo (a relação entre conhecimento científico, métodos, princípios e procedimentos), visando à reestruturação dos anteprojetos de pesquisa.

INTRODUÇÃO AOS ESTUDOS GRAMATICAIS DE LÍNGUAS NATURAIS
Ementa: A dicotomia língua e fala. O conceito de língua em diferentes perspectivas teóricas. Noções de gramática: dos estudos clássicos aos dias atuais. Os níveis de análise gramatical e seus respectivos objetos de investigação. A interface entre fonética/fonologia/morfologia e sintaxe.

INTRODUÇÃO AOS ESTUDOS DA AQUISIÇÃO E DESENVOLVIMENTO DA LINGUA(GEM) TÍPICA E ATÍPICA
Ementa: Aquisição, processamento e desenvolvimento da língua(gem) típica e átipica da perspectiva teórico-metodológica das áreas e interfaces da Aquisição da Linguagem, da Neurolinguítica, da Psicolinguística. Questões relacionadas a relação entre lingua(gem), cérebro e cognição em sujeitos com afasia, neurodegenerescência, surdez, síndrome de Down, transtorno do espectro autista, fissura palatina e implante coclear, dislexia, esclerose múltipla.

INTRODUÇÃO AOS ESTUDOS DE TEXTO, SIGNIFICADO E DISCURSO
Ementa: Texto, significado e discurso como diferentes objetos de estudo, amparados por pressupostos teórico-metodológicos de diferentes disciplinas da Linguística e disciplina de entremeio.

FONÉTICA E FONOLOGIA
Ementa: A produção da fala: processos aerodinâmicos, fonatórios e articulatórios. Modos e lugares de articulação. Vogais e consoantes. Sílaba. Prosódia. A organização dos sons em sistemas fonológicos à luz de teorias fonológicas. Processos e representações fonológicas.

MORFOLOGIA
Ementa: O objeto de estudo da morfologia. Critérios de análise morfológica segundo diferentes teorias linguísticas. Morfologia flexional e derivacional, relações com a fonologia e a sintaxe.

SINTAXE
Ementa: Organização e funcionamento do léxico. Estruturação sintática das línguas humanas. Sintaxe do português e estudos de sintaxe comparada. A relação entre mudança sintática e a aquisição da linguagem.

AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM I
Ementa: Aquisição das propriedades sintáticas de uma determinada língua ou de fenômenos sintáticos específicos em várias línguas, na perspectiva da Teoria de Princípios e Parâmetros da Gramática Gerativa. Aquisição do português como língua materna e como segunda língua, especificamente no caso de sua aquisição pelos surdos.

AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM II
Ementa: A argumentação e a narrativa na fala da criança: o seu estatuto linguístico e discursivo. A argumentação como contraponto à deriva/dispersão no diálogo e a narrativa do ponto de vista de sua eficácia simbólica. As estruturas narrativas e argumentativas na escrita da criança. Contribuições e limites de pesquisas na abordagem da pragmática para os estudos da narrativa e da argumentação na fala e na escrita da criança.

VARIAÇÃO E MUDANÇA LINGUISTICA
Ementa: O campo da Sociolinguística: história e conceituação. O estudo da variação e mudança linguística nas línguas naturais e sua correlação com fatores de natureza estrutural e não estrutural. O modelo sociolinguístico quantitativo e qualitativo: pressupostos básicos e procedimentos metodológicos. Tópicos em variação e mudança: (i) estudos dialetológicos; (ii) estudos sócio-históricos; (iii) estudos gramaticais.

GRAMÁTICA FUNCIONAL
Ementa: Abordagens funcionalistas da gramática. Teoria dos Protótipos. Iconicidade. Marcação. A mudança linguística sob a ótica funcionalista. Gramaticalização. Unidirecionalidade. Gramaticalização e gramáticas das construções. Sociofuncionalismo.

NEUROLINGUÍSTICA
Ementa: Teorização linguística das afasias e de outros fenômenos neurolinguísticos. Avaliação neurolinguística. Relação entre normalidade e patologia nos estudos de linguagem. Análise de dados de linguagem em contexto patológico.

LINGUAGEM E COGNIÇÃO
Ementa: Estudos , no contexto de interface Linguística/Neurociências, de aspectos cognitivos que subjazem a aquisição e o aprendizado, tanto típico quanto atípico, da leitura e da escrita. Processamento e compreensão da leitura. Procedimentos e instrumentos de avaliação da compreensão e do processamento da leitura. Alternativas de intervenção em caso de aprendizado atípico.

LINGUÍSTICA TEXTUAL
Ementa: Aspectos históricos, conceituais e metodológicos da Linguística Textual; principais conceitos mobilizados pelo campo: concepções de língua, de texto, de sentido, de sujeito, de textualidade, de contexto, de coesão e de coerência; relação entre gêneros e textos: gêneros escritos e gêneros orais; relação entre gênero e discurso: a tradição bakhtiniana; relação entre gênero e estilo: estilo individual e estilo de gênero; texto e cognição: a construção sociocognitiva da referência; texto e hipertexto: o conceito de hipertexto, as condições de textualidade no hipertexto, a coesão e coerência hipertextuais, a leitura no hipertexto, os gêneros no hipertexto.

SEMÂNTICA DO ACONTECIMENTO
Ementa: O conceito de enunciação. Acontecimento enunciativo: a temporalidade na enunciação. Espaço de enunciação: línguas e falantes. A constituição enunciativa do sentido. Processos de subjetivação: cisão do sujeito na cena enunciativa. Procedimentos enunciativos: reescrituração e articulação. Enunciação e textualidade. Designação e os Domínios Semânticos de Determinação.

SENTIDO E ARGUMENTAÇÃO
Ementa: Argumentação e sentido nos estudos retóricos e linguísticos. Teorias modernas da argumentação. Fundamentos e vertentes da Teoria da Argumentação na Língua. Escalas argumentativas, topoi, polifonia, blocos semânticos. Argumentação, sentido e história nos estudos semânticos.

ANÁLISE DE DISCURSO
Ementa: Fundamentos epistemológicos do campo da Análise de discurso. Relações entre o linguístico e o histórico; entre linguagem e memória discursiva; entre posições de sujeito e dispositivos de subjetivação; entre memória discursiva e formas conflituosas de inscrição da historicidade nos processos de significação da linguagem. O discurso como estrutura e acontecimento, como memória e atualidade.

DISCURSO, SUJEITO E INSTITUIÇÕES
Ementa: Discurso, práticas discursivas institucionais e não institucionais. Embates sócio-históricos nas construções discursivas. Os discursos como locus de lutas dos sujeitos/instituições e projetos socioculturais.

LINGUÍSTICA E PSICANÁLISE
Ementa: Linguística e Psicanálise: Freud, Saussure, Hjelmslev, Jakobson, Benveniste, Lacan e outros. A língua como estrutura. O inconsciente estruturado como a língua(gem). Lalangue: da clínica do simbólico à clínica do real.

LINGUÍSTICA FORENSE
Ementa: Introdução à Linguística Forense: aspectos históricos, teóricos e técnicos. A Linguística Forense como campo inter e multidisciplinar. A linguagem escrita do Direito; interação em contextos legais. Linguistica forense como suporte à investigação policial e enquanto meio de prova.

LINGUÍSTICA DE CORPUS
Ementa: Introdução à Linguística do Corpus. Critérios para compilação de corpora. Corpora de aprendizes. Ferramentas computacionais para o processamento de um corpus e análise de corpora. Ferramentas on-line de corpora. Ferramentas de extração de dados. Rede e fluxos de informação em mídias sociais. Interpretação dos dados e as medidas mais comuns de avaliação do aprendizado automático das várias tarefas.

TÓPICOS EM PROJETO TEMÁTICO I – MESTRADO
Ementa: Estudos iniciais de tópicos e de teorias relevantes relacionadas ao projeto temático de pesquisa do orientador e considerados pertinentes para o desenvolvimento inicial dos subprojetos de pesquisa de mestrado a ele vinculados. Os conteúdos programáticos da disciplina são variáveis, dependendo das linhas de pesquisa e dos projetos temáticos dos orientadores.


TÓPICOS EM PROJETO TEMÁTICO II – MESTRADO
Ementa: Estudos intermediários de tópicos e de teorias relevantes relacionadas ao projeto temático de pesquisa do orientador e considerados pertinentes para o desenvolvimento inicial dos subprojetos de pesquisa de mestrado a ele vinculados. Os conteúdos programáticos da disciplina são variáveis, dependendo das linhas de pesquisa e dos projetos temáticos dos orientadores.


TÓPICOS EM PROJETO TEMÁTICO III – MESTRADO
Ementa: Estudos avançados de tópicos e de teorias relevantes relacionadas ao projeto temático de pesquisa do orientador e considerados pertinentes para o desenvolvimento avançado dos subprojetos de pesquisa de mestrado a ele vinculados. Os conteúdos programáticos da disciplina são variáveis, dependendo das linhas de pesquisa e dos projetos temáticos dos orientadores.


TÓPICOS EM PROJETO TEMÁTICO IV – MESTRADO
Ementa: Estudos finais de tópicos e de teorias relevantes relacionadas ao projeto temático de pesquisa do orientador e considerados pertinentes para o desenvolvimento inicial dos subprojetos de pesquisa de mestrado a ele vinculados. Os conteúdos programáticos da disciplina são variáveis, dependendo das linhas de pesquisa e dos projetos temáticos dos orientadores.


ATIVIDADE DE PESQUISA I - MESTRADO
Ementa: Discussão e planejamento em grupo da fase inicial dos subprojetos de pesquisa dos orientandos, visando (no que tange ao problema, (re)formulação de hipótese(s), materiais e métodos, bibliografia e reformulação de subprojetos de pesquisa de mestrado, adequação aos projetos temáticos de pesquisa aos quais estão vinculados. Pelo caráter da disciplina, todos os orientadores ministrarão a disciplina para seus orientandos.

ATIVIDADE DE PESQUISA II - MESTRADO
Ementa: Discussão e planejamento em grupo da fase intermediária dos subprojetos de pesquisa dos orientandos, visando (no que tange ao problema, (re)formulação de hipótese(s), materiais e métodos, bibliografia e reformulação de subprojetos de pesquisa de mestrado, adequação aos projetos temáticos de pesquisa aos quais estão vinculados. Pelo caráter da disciplina, todos os orientadores ministrarão a disciplina para seus orientandos.

ATIVIDADE DE PESQUISA III- MESTRADO
Ementa: Discussão em grupo da fase avançada do desenvolvimento dos subprojetos de pesquisa de mestrado. Pelo caráter da disciplina, todos os orientadores ministrarão a disciplina para seus orientandos.

ATIVIDADE DE PESQUISA IV- MESTRADO
Ementa: Discussão em grupo da fase final do desenvolvimento dos subprojetos de pesquisa de mestrado. Pelo caráter da disciplina, todos os orientadores ministrarão a disciplina para seus orientandos.

SEMINÁRIO DE PESQUISA I- MESTRADO
Ementa: Apresentação de resultados de pesquisa em andamento pelos mestrandos em Seminário de Pesquisa em Andamento. Avaliação dos trabalhos apresentados por pesquisadores convidados pelo Programa.

ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES I – MESTRADO
Ementa: Apresentação de pelo menos um (1) trabalho, em eventos de reconhecido mérito acadêmico, pelos mestrandos, elaborados em coautoria com o orientador e, quando for o caso, também com outros membros do grupo de pesquisa do qual faz parte; participação em outras atividades acadêmicas, quando for o caso, que visam ao desenvolvimento da dissertação. As atividades devem ser aprovadas pelo orientador. atribuição do crédito é realizada pelo Colegiado do Programa. A atribuição do crédito é realizada pela Comissão de Acompanhamento e homologada pelo Colegiado do Programa.

ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES II – MESTRADO
Ementa: Apresentação de pelo menos um (1) trabalho, em eventos de reconhecido mérito acadêmico, pelos mestrandos, elaborados em coautoria com o orientador e, quando for o caso, também com outros membros do grupo de pesquisa do qual faz parte; participação em outras atividades acadêmicas, quando for o caso, que visam ao desenvolvimento da dissertação. As atividades devem ser aprovadas pelo orientador. A atribuição do crédito é realizada pela Comissão de Acompanhamento e homologada pelo Colegiado do Programa.

ATIVIDADES ACADÊMICAS COMPLEMENTARES III – MESTRADO
Ementa: Apresentação de pelo menos um (1) trabalho, elaborado em coautoria com o orientador, em eventos de reconhecido mérito acadêmico; publicar, em revista científica de conceitos Qualis A (1, 2) ou B (1, 2), na área de Linguística e Literatura, segundo os critérios da CAPES ou outros que vierem a substituí-los, pelo menos 01 (um) artigo, em coautoria com o orientador, relacionado ao tema da dissertação, e, consequentemente, ao projeto temático ao qual a tese está vinculada. As atividades devem ser aprovadas pelo orientador. A atribuição do crédito é realizada pela Comissão de Acompanhamento e homologada pelo Colegiado do Programa.

TIROCÍNIO DOCENTE I - MESTRADO
Ementa Planejamento, organização e desenvolvimento de atividades de acompanhamento docente, envolvendo preleções, práticas de laboratório, formação de estudo e orientação de grupos de alunos, vinculadas aos cursos de graduação, bem como às linhas de pesquisa do Programa e exercidas pelo mestrando, sob a supervisão de professor (preferencialmente o orientador) do quadro efetivo do PPGLin.